so-pretty.info

Blog da fotografia portuguesa interessada em viajar. Meu nome e Bruno e espero que voce goste do meu site

BAIXAR WINCONNECTION COMPLETO


Winconnection X - Windows. Versão recomendada. Highlights. O POPMAIL interrompe o download de e-mails. A licença de uso para a Versão Trial tem 30 dias. Winconnection Web Filter e (Windows). Atenção: Versão completa: administrador e servidor Download do cliente para Winco Edge Security IMFilter. Winconnection é um programa desenvolvido por WinCo. Acesse e veja mais informações, além de fazer o download e instalar o Winconnection.

Nome: winconnection completo
Formato:ZIP-Arquivar
Sistemas operacionais: iOS. Windows XP/7/10. MacOS. Android.
Licença:Grátis!
Tamanho do arquivo:25.74 Megabytes

COMPLETO BAIXAR WINCONNECTION

Uma peça também pode servir para distribuir trojans com keyloggers. Pergunte ao vendedor o que é cada peça. O servidor pago tem a vantagem de poder exibir o cadeadinho. Para alterar esta configurao, basta clicar no boto Alterar. Professor: Macêdo Firmino Disciplina: Sistemas Operacionais de Rede Uma Rede de Computadores consistem em dois ou mais dispositivos, tais como computadores, impressoras e equipamentos relacionados, os. Só que Você deve abrir o bloco de notas como Administrador caso esteja no Windows 7 , isso foi mostrado no tutorial acima. Descrio: Descreva aqui a utilidade para o qual a lista foi criada. Licenciamento de 1 ou 2 anos. Aguardo resposta. Regras por Grupos: Habilitando essa opo, possvel criar regras de acesso baseadas em grupos de usurios. Incluímos um gerador de vírus no CD-Rom para você experimentar. Neste final do capítulo três, darei um exemplo de como fazer o cracking de um software protegido. Seleciona o servio inferior. Obrigada Carla. Anuncie Contato Política de privacidade Quem somos Termos de uso. Esse dispositivo, geralmente um hub ou switch, se encarrega de distribuir os sinais entre os demais micros.

Winconnection Web Filter e (Windows). Atenção: Versão completa: administrador e servidor Download do cliente para Winco Edge Security IMFilter. Winconnection é um programa desenvolvido por WinCo. Acesse e veja mais informações, além de fazer o download e instalar o Winconnection. Winconnection Free é um programa desenvolvido por WinCo. como pode ser uma tarefa completa gerenciá-la e garantir um acesso seguro. Ele é completo, pois oferece funções adicionais de filtro Anti-SPAM, de Windows Live Messenger, correio eletrônico e outros. O visual do Winconnection é. WinConnection é programa especializado em controle de acesso à internet totalmente em português. Desenvolvido para empresas, ele traz as.

O Produto consiste em uma interface web onde o administrador efetua o cadastro. Antigamente, quando as casas. Estações de Trabalho Mapeamento. Configurando a Rede Configurando os. I é algo crucial para que haja o bom funcionamento de uma empresa. Kaspersky Endpoint Security e o gerenciamento. Política Anti-Spam 6. Segurança do. Servidor de Arquivos. R: Além do remodelamento. Características Técnicas Sistemas Operacionais com suporte Pré-requisitos para Servidores - até 2 licenças: 1.

Recomenda-se 3. Este guia foi escrito para ajudar os administradores de sistema ou qualquer um que usa o Avast Small Office. Principais características Exemplos de Uso Entender a necessidade Tens servidor específico. O conjunto. Como configurar contas de e-mails nos principais editores de e-mails Podemos acessar nossos e-mails pelo webmail, que é um endereço na internet.

Os domínios que hospedam com a W3alpha, acessam os e-mails. Licenciamento 3. Atribuindo uma senha de acesso ao sistema. Configurações de rede 5. Configurações do SMTP. Belo Horizonte, 09 de Setembro de A Aker Security Solutions,.

Winconnection 4 Manual Avançado 1 1. Conceitos de Redes Endereço IP Estruturas de Redes possíveis com o Winconnection Envie críticas e sugestões. À medida que o uso de informações e sistemas é. Ideal para o ambiente corporativo, com o Aker Firewall UTM você tem o controle total das informações.

Belo Horizonte, 30 de setembro de Belo Horizonte, 23 de Março de Atenciosamente, Eunice Dorino Consultora de Vendas eunice task. Todos os direitos reservados. FileMaker Inc. A O Outlook Express permite criar grupo de pessoas.

Banco do Brasil Conscientizar da necessidade. Abraços a todos! Login Registro. Winconnection 6. Internet Gateway. Tamanho: px. Download "Winconnection 6. Internet Gateway". Documentos relacionados. Habilitar Round-Robin ponderado DWRR : Como a poltica simples apenas baseada nos pesos pode ser insuficiente para uma justa partilha de uso dos links, uma poltica mais dinmica pode ser estabelecida.

Ela se baseia no ajuste dos pesos estabelecidos pelo administrador da rede atravs de medies da capacidade ociosa dos links, ou seja, quanto mais utilizado um link, menor sua capacidade ociosa, portanto, o peso fornecido pelo administrador diminudo e a partilha dos links feita sobre os pesos "efetivos" assim calculados.

Para que funcione corretamente, necessrio que a caracterizao dos links quanto a peso e velocidade seja feita com cuidado. Veja um exemplo de regra na imagem abaixo:. Note que possvel atribuir mais de uma interface para uma regra de balanceamento. Quando assim configurado, toda vez que a regra for aplicada, um dos links escolhido, com a vantagem de que os mesmos continuam sendo balanceados, mas apenas entre aqueles contidos na regra.

Alm disso, pode-se escolher se a regra usa "apenas" ou "preferencialmente" os links listados. Na primeira forma, se todos os links da lista estiveram inativos, ou falhos, a conexo no poder acontecer, gerando um erro de acesso.

Ao passo que quando a regra usa "preferencialmente" a lista de links, na mesma situao de falha de todos os links da lista, qualquer link associado a uma interface classificada como externa ser selecionado. As regras de balanceamento permitem a escolha de links prprios para determinadas aplicaes.

Por exemplo, se os links forem de igual tamanho, mas um deles possuir uma latncia maior pode-se determinar atravs das regras de balanceamento, que todos os pacotes de VOIP direcionados a um determinado servidor sigam pelo link de menor latncia.

Redes Lgicas O Winconnection 6 tem um conceito bastante abrangente de Redes e Acessos permitidos aos servios. A instalao padro tem um algoritmo que calcula e permite que o acesso dos computadores da Rede Interna, seja configurado por cada servio pr-instalado formando uma Regra de Acesso.

Por sua vez, todos os servios tm acesso garantido Regra de Acesso criada para a Rede Interna. Isto permite uma instalao simples e segura que pode ser melhorada de acordo com a necessidade do Administrador.

A guia Status e Monitor exibe informaes das redes lgicas que j foram criadas. Veja um exemplo da regra geral e bsica do Winconnection 6 na imagem abaixo:.

Configuraes bsicas: Nome da Rede: Neste campo, necessrio definir o nome da rede que est sendo criada. Nvel de Acesso: Indica ao Winconnection 6 como os servios internos se comportaro perante Regra de Acesso. As seguintes opes esto disponveis: o. Ou seja, os Endereos de Rede selecionados para a Regra de Acesso no tero acesso aos servios do Winconnection 6.

Configurado para cada servio: Cada servio habilitado pelo Administrador da rede como pertencente a esta Regra de Acesso.

Isto permite filtrar os servios de acordo com a real utilizao do mesmo. Permitido para todos os servios: Com esta opo ativa, automaticamente todos os servios funcionaro com o Winconnection 6 sem maiores configuraes. Em uma instalao padro, esta a opo que fica ativa, alm de ser uma das que mais deve ser usada pelos administradores da rede. Permite ao administrador da rede inserir o IP do Servidor Winconnection. Contudo, possvel alterar para qualquer mscara que melhor atenda rede de modo a limitar os IPs de acesso.

Faixas de IPs endereo1 at endereo 2 : Permite ao administrador da rede limitar somente uma faixa da rede, configurvel pelo IP inicial at o IP final. Um nico host: Permite ao Administrador inserir o IP do nico usurio que ter acesso ao servidor.

Uma aplicao interessante criar uma Regra de Acesso, por exemplo, onde somente determinado IP Copyright Winco Tecnologia e Sistemas, todos os direitos reservados. Mas isto tem que ser configurado no Nvel de acesso ao servidor veja adiante. A rede ser excluda automaticamente quanto o tempo de uso definido expirar. Entrada Guia Status e Monitor: Essa guia exibe informaes de conexes de entrada e sada de dados. Clicando com o boto direito do mouse sobre uma conexo, o Winconnection 6 disponibiliza as seguintes opes:.

Ao: Fecha a conexo selecionada. Guia Configuraes Geral: Esta guia exibe uma listagem de todas as regras de entradas criadas no Firewall e todas as regras de redirecionamentos de portas portas mapeadas criadas. Para isso, basta usar os respectivos botes. IP de origem: O administrador da rede deve informar nesse campo, o IP da conexo de entrada. Porta Inicial: a porta inicial da conexo. Porta Final: a porta final da conexo. Veja um exemplo de configurao na tela a seguir.

Guia Redirecionamento: Esta guia utilizada para possibilitar o acesso a servios que no sejam padronizados, desde que se saiba o computador e porta a qual se deseja ter acesso. Destino: Deve ser informado o IP do computador que receber a conexo. Porta: Deve ser informada a porta que receber a conexo. A porta padro utilizada 0, e deve ser alterada para os programas acessarem a porta correta. Veja um exemplo de configurao na imagem a seguir.

Sada Guia Configuraes Proxy Transparente: O Proxy Transparente possibilita que o Winconnection 6 passe a se comportar como um NAT Network Address Translation e todos os pacotes que so enviados, so remetidos para a internet ou devolvidos para o cliente de destino.

Ao se instalar o Winconnection 6 em seu servidor, o Assistente de Configurao instala uma srie de drivers no computador que permitem que o servio Proxy Transparente seja utilizado. Este controle possibilita ao administrador da rede permitir ou proibir as estaes da rede acessar ou no a um determinado programa. Por padro, o Winconnection 6 permite que todas as estaes tenham acesso a todos os programas. Como o servio Proxy Transparente deixa a estao como "conectada diretamente internet", o administrador da rede pode impedir que determinadas estaes acessem determinados programas ou servios.

Permitir apenas os casos abaixo: Quando o administrador cria a regra, pode permitir o acesso ao servio somente para os casos digitados no campo logo abaixo. Porm, existe aplicativo especfico na estao que exige um dos servios acima para funcionar corretamente. Neste caso, ele permite um usurio, uma faixa de usurios ou uma faixa de portas para acesso externo do aplicativo que deseja usar.

Proibir os casos abaixo: Quando o administrador cria a regra, pode criar uma lista negra de acessos ao servio, com base em computadores ou servios. Esta opo pode ser usada quando o administrador no quer permitir que determinados usurios ou uma faixa de usurios ou at uma porta acesse a rede externa. A configurao do Proxy Transparente nas estaes est descrita no tpico Configurao do Proxy Transparente nas estaes.

Guia Configuraes Inspeo de Pacotes:. Nesta guia possvel habilitar a Inspeo de Pacotes. Com base nas regras criadas, o Inspetor de Pacotes pode derrubar conexes dependendo do seu protocolo.

Para criar uma regra, basta clicar no boto Adicionar. Veja um exemplo de configurao de uma regra de inspeo de pacotes na imagem a seguir:. LOG este servio. Nvel de detalhamento de Log: Neste campo, possvel aumentar ou diminuir a quantidade de LOGs que sero gerados pelo servio Sada. O servio Controle de Banda do Winconnection 6, permite que o administrador da rede crie regras para controlar a utilizao da banda.

As regras podem ser criadas para reservar parte da banda internet para os servios do Winconnection 6, como Servidor de E-mail, Navegao e outros servios. O tamanho de cada fatia determinado por uma das regras de controle de banda definidos na guia Regra Padro.

A primeira regra que possuir Origem e Destino compatveis com a conexo que est sendo analisada ser a escolhida. Caso nenhuma regra seja encontrada, a Regra Padro ser aplicada.

COMPLETO BAIXAR WINCONNECTION

As fatias podem agregar mais de uma conexo. Ou seja, mais de uma conexo pode contribuir para o consumo da banda destinada a uma fatia. As regras de controle de banda determinam o tipo de agregao a ser aplicada s conexes.

Uma regra pode ser responsvel pela produo de mais de uma fatia. As fatias correspondentes s polticas do tipo "reserva de banda" so alocadas primeiro e subtradas da Banda Nominal. Toda banda restante distribuda proporcionalmente segundo os pesos especificados nas regras do tipo "distribuda por peso". Poltica: Neste campo necessrio o tipo da poltica da regra: reserva de banda ou distribuda por pesos.

Peso de Sada: Neste campo informada a banda que ser reservada para sada upload. Peso de Entrada: Neste campo informada a banda que ser reservada para sada download. Agregar conexes por: necessrio informar se a conexo ser agregada origem, destino, origem e destino ou se a conexo no ser agregada.

Guia Configuraes Regras: Nesta guia de configurao possvel criar, editar e excluir regras para o controle de banda. As regras so criadas ou editadas em 3 passos: Passo 1 Poltica: Neste passo, necessrio definir a poltica da regra como explicado anteriormente.

Passo 3 Destino: Neste passo de configurao, o administrador da rede deve informar o destino de acesso para a qual a regra ser aplicada: Todos ou IP. Com este servio instalado, sempre que um cliente conectar na porta do PIPE do Winconnection 6 a conexo ser redirecionada ao computador remoto na porta especificada como destino do PIPE.

Guia Configuraes Geral: Host ou IP de destino: Neste campo o administrador da rede, deve digitar o endereo o IP da estao da rede interna que receber a conexo. Porta destino: a porta utilizada pelo aplicativo cuja conexo est sendo redirecionada. A porta padro utilizada 0, e DEVE ser alterada para os programas acessarem a porta correta.

Tipo de direcionamento: A opo Tipo de Redirecionamento possui quatro escolhas: o Padro: Selecione essa opo para os casos que no se enquadram nas opes citadas abaixo.

Porta TCP: a porta externa que responder s requisies. Acesso permitido a redes: Indica a rede que tem acesso ao servio.

Sempre que ativada uma rede externa, o acesso no firewall liberado automaticamente. Servios de E-mail Guia Status e Monitor: Essa guia exibe informaes de conexes de entrada e sada de dados. Clicando com o boto direito do mouse sobre uma conexo, o Winconnection 6 disponibiliza as seguintes opes: Agrupar por: Agrupa as conexes por Usurio, por Endereo Local ou por IP Remoto.

Colunas: Exibe as opes de colunas que podero ser exibidas. Mais informaes podem ser obtidas no captulo XII. Programao e Extensibilidade. Cpia de Segurana das mensagens de e-mail: O armazenamento das mensagens do Winconnection 6 dividido em 2 partes: banco de dados ndices das mensagens e as mensagens de e-mail propriamente ditas. Neste campo, o administrador da rede pode definir hora e os dias da semana em que cpias de segurana dos ndices das mensagens de e-mail sero efetuadas caso o ndice seja corrompido, este backup ajudar na sua restaurao.

Guia Configuraes Cotas de E-mail: Nesta guia de configurao possvel especificar cotas de e-mail para cada usurio. Ou seja, possvel definir limites de armazenamento de mensagens em MB. Se o usurio no possuir uma cota especificada, significa que ele no tem limite de armazenamento.

Versões anteriores

Guia Relatrio: O Relatrio de E-mail exibe informaes sobre o processo de envio e recebimento de e-mails dentro da rede, bem como efetuar um rastreamento das mensagens enviadas para determinados usurios. O administrador da rede pode escolher duas formas de relatrios: Estatsticas: Mostra um grfico com as informaes de trfego de e-mails internos e externos. Rastreamento de Mensagens: Mostra a opo de rastreamento de. Esse tipo de relatrio particularmente til quando se precisa de um relatrio detalhado de quem est enviando e-mail para outras pessoas na rede.

Esta guia exibe a fila de mensagens que esto na espera para serem enviadas. Alm disso, possvel forar o envio de uma mensagem ou de todas as mensagens, clicando com o boto direito em uma mensagem Ao Enviar agora ou Enviar todas as mensagens.

O servio Listas permite a criao de listas de distribuio de e-mail. Uma Lista de Distribuio de e-mail distribui um determinado e-mail para vrias pessoas na rede interna, ou seja, o mesmo e-mail recebido por vrios usurios.

Exemplo: Suponhamos que exista o e-mail comercial empresa. O procedimento o seguinte: No servio Listas, clique na Guia Novo. Nome da Lista: Digite o nome da lista de distribuio de e-mail.

O nome normalmente curto, sem espaos e acentos. Caracteres especiais tambm no podem ser usados. Descrio: Descreva aqui a utilidade para o qual a lista foi criada. Novo: Digite o e-mail do usurio que far parte dessa lista de distribuio por exemplo: joao empresa.

Com todos os usurios adicionados, clique no boto Salvar. Preencha os campos de acordo com o e-mail no nosso exemplo comercial empresa. O servio Filtro de E-mail disponibiliza uma srie de configuraes que podero ser utilizadas nos e-mails.

Habilitando esta opo, se o programa AVG Anti-Vrus estiver instalado no computador, as mensagens passaro a ser verificadas.

Hospedar um site no seu PC com DDNS

Notificar o postmaster quando um vrus for encontrado em uma rede confivel: Se essa opo estiver habilitada, o administrador ser informado quando um vrus for enviado de dentro de sua rede interna. Whitelist: Nesta caixa de dilogo possvel adicionar, modificar e remover endereos de e-mail que no sero verificados pelo antivrus. Esta configurao til quando existe a necessidade de ter uma caixa postal dentro de sua rede que tenha a necessidade de receber vrus.

Este plugin pontua as mensagens recebidas de acordo com uma srie de regras que so baixadas de um servidor dessa empresa. Cada perfil tem interferncia direta no uso e funcionamento do Spamcatcher. Regra: Considerar SPAM as mensagens com pontuao acima de: Como j foi citado anteriormente, o SpamCatcher analisa a mensagem recebida e gera uma pontuao para ela. Esta pontuao a probabilidade de a mensagem ser um SPAM. Quanto maior a pontuao, maior a probabilidade.

Nesta opo, o administrador da rede deve informar ao sistema qual a pontuao para que uma mensagem seja considerada SPAM. Ao: O administrador da rede pode definir como as mensagens consideradas SPAM pelas regras criadas devem ser tratadas: Aceitar mensagem, Marcar assunto com, Deletar a mensagem, Copiar para, Mover para. Opes: De acordo com o perfil escolhido, o administrador poder personalizar algumas configuraes do SpamCatcher, como por exemplo: Domain Whitelist, que uma lista de domnios considerados confiveis fazendo com que o Spamcatcher assuma que a mensagem recebida tenha uma pontuao baixa.

Para editar estas opes, basta selecion-las e clicar no boto Configuraes. Guia Configuraes Regras Globais: Esta guia do Winconnection 6 dispe sobre mtodos de filtragem de e-mails como tamanho de mensagens, excluses de anexos e regras para filtragem de mensagens consideradas SPAM.

Tamanho mximo de mensagens: Utilize estes campos para o controle do tamanho de mensagens enviadas para fora ou roteadas internamente. Mensagens internas: Este valor para mensagens enviadas ou recebidas de domnios considerados internos. O valor em kilobytes e o padro do sistema 0, que significa tamanho ilimitado.

Mensagens externas: este valor para mensagens enviadas ou recebidas de domnios que no so considerados como interno. O valor em kilobytese o padro do sistema 0, que significa tamanho ilimitado. Filtro de Anexos:. Digite as extenses separadas por vrgula, por exemplo: exe, scr, pif. Guia Configuraes Regras baseadas em Grupos: Esta guia do Winconnection 6 permite a criao de regras de filtro de mensagens baseadas em Grupos de Usurios.

As regras por grupo esto dividas em duas categorias: Configuraes de Entrada e Configuraes de Sada. Nas configuraes de entrada devem ser criadas as regras que sero processadas todas as vezes que uma mensagem for recebida pelo Winconnection 6 e tenha como destinatrio um usurio local.

Nas configuraes de sada devem ser criadas as regras que sero processadas todas as vezes que uma mensagem for recebida pelo Winconnection 6 e tenha como destinatrio um usurio que no seja considerado interno. Para criar a regra baseada no grupo de usurios, selecione o grupo e clique no boto Configuraes de Entrada ou Configuraes de Sada. Ao: O administrador pode definir como as mensagens consideradas SPAM pelas regras criadas devem ser tratadas: Aceitar mensagem, Marcar assunto com, Deletar a mensagem, Copiar para, Mover para.

Tamanho mximo de mensagens: Utilize estes campos para o controle do tamanho de mensagens de domnios externos. Filtros de anexos: Neste campo, o administrador pode informar quais extenses de arquivos do anexo sero bloqueadas para as mensagens de sada. As extenses devero ser separadas por vrgula, por exemplo: exe, scr, pif. Configuraes de Sada: Tamanho mximo da mensagem: Neste campo dever ser informado o tamanho mximo das mensagens que esto sendo enviadas.

Lembrando que caso a mensagem seja enviada para um domnio local, somente as Configuraes de Entrada tero efeito sobre ela. Extenses de arquivos que sero bloqueadas nos anexos: Neste campo, o administrador pode informar quais extenses de arquivos do anexo sero bloqueadas para as mensagens de sada. Este servio utilizado para tratar do recebimento de mensagens periodicamente. O Mapeador POP acessa as caixas postais e recebe os e-mails, armazenando nos Usurios Locais, permitindo com isto que este servio receba e armazene localmente as mensagens enviadas para os servidores externos.

Este servio no tem porta local, visto que um servio do sistema. Nmero de processos simultneos: Define quantas caixas postais sero lidas simultaneamente. Aumente este nmero se o tempo de coleta de e-mail for muito longo. Note, porm, que o aumento deste nmero diminui a disponibilidade da conexo para usurios que desejam navegar e degrada o desempenho do servidor.

O recomendado usar at 5 processos simultneos. Checar mensagens a cada [minutos]: Define o perodo entre conexes para envio de e-mail. Se for discada, deixe em 30 minutos ou ajuste de acordo com as necessidades de sua empresa. Ao adicionar ou editar uma conta no Mapeador POP, as seguintes opes estaro disponveis. Geral: Login: Digite aqui o login do usurio no provedor onde a caixa postal se encontra.

Para ter certeza qual o login, verifique no cliente de e-mail outlook, eudora, etc. Senha: Digite aqui a senha de acesso caixa postal do provedor, a mesma usada no cliente de e-mail outlook, eudora, etc.

Caso no saiba a senha, entre em contato com o seu provedor. Normalmente "pop.

Usurio local: Digite aqui o nome do usurio cadastrado previamente, consulte o captulo Usurios para mais informaes , lista ou ainda outra caixa postal remota que deve receber a mensagem. Cpia para: Caso seja necessrio enviar cpias da mensagem para mais um usurio, utilize este campo. Caso seja necessrio enviar cpias para mais de um usurio, utilize uma lista. Se esta opo estiver desmarcada, o Winconnection 6 no recolhe os emails.

Caso voc tenha um e-mail do Gmail, altere a porta do POP para Distribuir localmente baseado em username: Somente selecione esta opo quando for utilizar coleta de mensagens para o domnio "Domain POP Collection". Neste caso, os nomes dos usurios locais sero procurados nos cabealhos da mensagem recebida nos campos "To:" e "Cc:". Caso o usurio exista, a mensagem ser redirecionada para este. Caso contrrio, esta entregue ao usurio padro, definido no campo "Usurio Local". Manter mensagens no servidor: Mantm uma cpia da mensagem no servidor.

Este processo usado quando o usurio deseja receber os e-mails no escritrio, mas consultar em casa tambm.

COMPLETO BAIXAR WINCONNECTION

Apagar mensagem aps [dias]: Indica quanto tempo as mensagens devem ficar no provedor antes de serem apagadas. Usar credenciais ao enviar e-mail cujo remetente seja igual a: Esta opo destinada em que o Relay Remoto SMTP remoto usado para enviar as mensagens obriga que a autenticao seja feita pelo usurio que est enviando a mensagem. Por exemplo: Os e-mails enviados por claudio provedor.

Neste caso, necessrio habilitar a opo "Usar estas credenciais ao enviar e-mail cujo remetente seja" e digitar o e-mail do remetente. Atuar como proxy quando for encontrado o caractere separador: O Servidor POP3 tambm funciona como Proxy POP3, para possibilitar o acesso s caixas postais de outros servidores de e-mail.

Basta haver uma configurao com caractere separador para ele aceitar a conexo como proxy. Esta configurao define o smbolo que ser utilizado para separar o login do usurio do nome do Servidor POP.

Se o caractere for ' ', o nome utilizado para ler as mensagens ser login pop. Controle de Acesso Os grupos listados e habilitados nesta seo so os grupos que tm permisso de recebimento de e-mail. Para que os grupos fiquem visveis nesta seo, necessrio primeiramente habilitar o grupo desejado na configurao de algum do Servidor SMTP.

Porta TCP: A porta padro para este servio , mas pode ser alterada nesse campo. O administrador da rede dever selecionar qual Certificado SSL ser utilizado. Guia Configuraes Geral:. Os grupos listados e habilitados nesta seo so os grupos que tm permisso de recebimento de e-mail. Para que os grupos fiquem visveis nessa seo, necessrio primeiramente habilitar o grupo desejado na configurao de algum do Servidor SMTP.

Iniciar automaticamente: Habilite esta opo para que esse servio seja iniciado automaticamente junto com o Winconnection 6. Atravs do Servidor SMTP, o programa cliente de e-mail envia mensagens a todos os destinatrios, sejam eles locais na mesma rede ou externos endereos de internet externos.

Sempre que o Winconnection 6 recebe uma mensagem para enviar via Servidor SMTP, imediatamente distribui a mensagem a todos os destinatrios internos. Se houver algum destinatrio externo, de acordo com o tratamento na guia Domnios, a mensagem encaminhada para a fila de mensagens.

Se esta opo estiver desabilitada, a configurao Permisses de acesso por grupo no funcionar. Permisses de acesso por grupo: O Servidor SMTP pode entregar as mensagens mediante autenticao dos usurios no servidor. Esta opo indica quais grupos de usurios tero direito a se autenticar no Servidor SMTP para a entrega de mensagem. Quando um usurio no est na rede permitida para retransmisso, ele pode entregar mesmo assim, porm o grupo dele deve estar ativo nesta opo.

Veja em Usurios como incluir um usurio em um grupo. Permisses de retransmisso por rede: O controle mais simples do Servidor SMTP a permisso de envio via a s rede s que ele faz "relay". O administrador pode indicar neste campo quais redes ele deseja fazer a entrega sem precisar que o usurio faa a autenticao de SMTP para o envio.

Guia Configuraes Domnios: Esta guia do Servidor SMTP disponibiliza funes que permitem redirecionar os emails enviados para serem roteados internamente, enviados para contas externas ou fazerem parte de outros domnios.

O campo Lista de Domnios exibe a lista de domnios hospedados neste computador. Alm disso, possvel Incluir, Alterar ou Excluir os domnios locais.

Alias para o domnio: Neste campo, o administrador da rede deve digitar o alias do domnio, por exemplo: Domnio: provedor. Opes Avanadas: Encaminhar mensagens para servidor externo se o usurio no existir: Habilitando esta opo, ao se mandar uma mensagem para um usurio no existente no domnio local, ela ser encaminhada para a entrega em outro SMTP. Grupos de usurios pertencentes a esse domnio: Nesse campo necessrio informar o s grupo s de usurios que sero verificados, quando o Winconnection 6 receber uma mensagem.

Comparar parte do usurio do e-mail com o nome de usurio: Se esta opo for habilitada, a validao ser feita pela informao dada antes do com o campo de login.

Por exemplo: Login: joao Domnio: provedor. Comparar o campo e-mail com o da base de usurios: Se esta opo for habilitada, a validao ser feita pelo campo e-mail na base de usurios do Winconnection 6. Comparar com todos os alias do domnio: Se esta opo for habilitada, alm do campo de e-mail ser feita uma validao com os alias do domnio. Por exemplo: E-mail cadastrado: joao provedor. Se chegar um e-mail para joao servidor.

Guia Geral: Parmetros de Sada: Entregar mensagens diretamente ao destinatrio: Ativando-se esta opo, o Winconnection 6 passa a entregar as mensagens diretamente para o SMTP de destino do e-mail. Neste caso o controle passa a ser totalmente do administrador, contudo se o IP de conexo estiver em uma BlackList listas que recusam e-mails de determinados IPs os e-mails podero no chegar a determinados destinos.

Conexes ADSL residenciais speedy home, velox, etc. As listas Anti-Spam esto bloqueando indiscriminadamente todos os IPs destas redes. Autenticar-se usando as credenciais do POPMAP: Se o provedor exige que a autenticao seja feita pelo usurio que est enviando a mensagem, habilite esta opo. Feito isso, cadastre as informaes no servio Mapeador POP.

Autenticar-se usando as credenciais definidas abaixo: Se o provedor exige autenticao, mas no exige que a autenticao seja feita pelo usurio que est enviando a mensagem, habilite esta opo. No campo Login e Senha digite o login e a senha de acordo com o seu provedor. Guia Configuraes Assinatura: A Assinatura Corporativa do Winconnection 6 permite que o administrador da rede inclua uma mensagem em todas as mensagens que forem transmitidas para fora da rede em um texto plano.

O administrador da rede pode inserir qualquer mensagem neste campo. Quando um usurio contrata uma conexo de internet, seja ela discada ou banda larga, a maioria dos provedores disponibiliza um IP Real para usurio. Esse segundo tipo de IP usado em redes corporativas e no pode ser acessado pelos computadores de fora da rede corporativa. Os IPs Reais no Brasil costumam ter o prefixo Para colocar um servio qualquer na internet, um requerimento bsico que o computador com o servio tenha um IP Real, de forma que os computadores da Internet possam v-lo.

Quem tem IP Invlido no consegue colocar servios na internet pelo menos no sem tem que usar tcnicas mais complicadas. Portanto, em tese, todos os usurios com IP Real poderiam registrar domnios, servidores de email e outros servios usando qualquer provedor de internet. Porm, o problema que ocorre que o IP que os provedores disponibilizam aos seus usurios, apesar de ser Real, no Fixo, ou seja o IP muda a cada reconexo do usurio ou a cada perodo pr-determinado de horas por exemplo: o IP Dessa forma, impossvel fornecer servios usando estes IPs, j que a cada vez que o IP muda, o servio precisa que ser reconfigurado.

Como desinstalar por completo o winconnection 7?

O conceito bem antigo, mas a implementao da Winco extremamente simples de usar. Portanto, um ao computador que fornece o servio. Este programa utiliza o sistema de nomes de domnio da internet para associar um nome ao computador que o usurio tem conectado na internet. O Cliente DDNS permite que o servidor Winconnection 6 seja o responsvel por monitorar as mudanas de IP que o provedor fora e enviar a informao do novo IP para um servidor centralizado que atualiza imediatamente o nome 'empresa.

Em termos prticos, para ativar o servio, tudo que o usurio tem que fazer realizar o download do programa Cliente DDNS que oferece o registro do domnio. A instalao feita em apenas 2 passos. As aplicaes prticas so voltadas para o segmento dos usurios domsticos e empresas que necessitam prover servios externos: 1. Estabelecimento de VPNs. Acesso remoto ao prprio computador. Servidor de jogos. A lgica a seguinte: 1 O sistema de subdomnio consiste em associar um nome ao domnio.

Ento, este nome passa a ser subdomnio do domnio. Por exemplo: minhaempresa. Ao localizar o winconnection. Aps baixar o programa, execute o arquivo e siga o Assistente de Instalao para iniciar a iniciar a instalao e configurao do programa.

Guia Configuraes Geral: Interface: Neste campo, necessrio informar qual interface de rede ser utilizada. IP atual: Exibe o endereo IP atual da conexo. Registrar IP da interface: Neste campo, o administrador da rede deve selecionar qual interface ser utilizada. LOG: criado no O arquivo em bloco de de notas progra-.

O servio Web do Winconnection 6 permite a hospedagem de sites diretamente no servidor de rede. A pgina inicial index. A localizao da pgina est no Diretrio Base para servio dos sites document root.

Veja a seguir as principais caractersticas do servio Web:. Suporta apenas um DocumentRoot, e sem alias. O servio Web tambm serve pginas externas. Para isso, basta apenas que o acesso externo seja permitido. Uma regra no firewall automaticamente criada no Winconnection 6 permitindo o acesso porta 80, quando o administrador da rede desejar que as pginas sejam acessadas externamente.

Ao configurar este diretrio, o Winconnection 6 passa a disponibilizar as informaes contidas nele como um site na internet. Atalhos para diretrios: Permite a incluso de um determinado diretrio na mquina, fazendo com que este diretrio vire um alias. Esta soluo extremamente til para compartilhar informaes para os colaboradores, via WEB. Toda vez que tiver determinada extenso listada, vai executar determinado CGI. LOG a etse servio. Porta TCP: A porta padro para este servio 80, mas pode ser alterada nesse campo.

O mdulo Winconnection Branch Office permite centralizar o gerenciamento das polticas de acesso internet atravs do servio de cluster. As regras definidas na matriz so automaticamente copiadas para as filiais. As seguintes configuraes do Winconnection podero ser exportadas. Usurios desde que a opo Replicar este usurio para as filiais esteja habilitada no cadastro do usurio, conforme exibido na imagem a seguir:.

Grupos desde que a opo Replicar este grupo para as filiais esteja habilitada no cadastro do usurio, conforme exibido na imagem a seguir:.

Configuraes de acesso internet por exemplo, lista de sites de bloqueio, configuraes de permisso de acesso, etc. Para adicionar uma nova filial, necessrio apenas gerar uma chave de acesso, que deve ser cadastrada no servio de Cluster Slave da filial. Ao adicionar ou editar uma chave de acesso, as seguintes opes estaro disponveis: Informaes do Winconnection Slave: Descrio: Informe a descrio da Filial, por exemplo: Filial SP.

Hostname: O hostname ser atualizado para o nome real do host. Por medida de segurana, essa chave poder ser alterada a qualquer momento. Para isso, basta clicar no boto Nova Chave. Cluster Slave O servio Cluster Slave deve ser instalado no Winconnection 6 da filial que ir receber automaticamente as configuraes realizadas no Winconnection da matriz.

Configuraes do Cluster Master: Hostname ou IP do servidor master: Nesse campo, necessrio informar o hostname ou endereo IP da mquina onde est instalado o Winconnection na Matriz por exemplo: Chave de Acesso: Nesse campo, o administrador da rede dever informar a chave exibida no servio Cluster Master do Winconnection 6 que est instalado na Matriz por exemplo: BAA Porta TCP do servidor master: A porta por padro a No necessrio alterar essa porta ao menos que voc a tenha alterado no servio Cluster Master do Winconnection da Matriz.

Privacidade: Uma criptografia forte garante que ningum poder enxergar as informaes que passam pela VPN, trafegando entre sua casa e o escritrio ou entre duas filiais da sua empresa.

Autenticidade: Certificados Digitais e o uso de senha do certeza em relao a quem est do outro lado da conexo. Integridade: Dados no podem ser inseridos ou retirados por algum de fora, e nem as informaes podem ser alteradas.

Alm de prover toda esta segurana, o uso da tecnologia SSL para transmisso das informaes garante a facilidade de conexo entre as redes, visto que todos os provedores e roteadores lidam bem com este tipo de tecnologia, que est rapidamente se tornando a mais utilizada para conexes VPN.

Isto significa que os dados so criptografados e enviados atravs de uma conexo ou tnel SSL. SSL o mesmo sistema, com base em certificados digitais, usado nas conexes seguras com os bancos. Acesso remoto a discos e impressoras, servidores de e-mail e intranets so alguns dos exemplos de aplicaes que podem ser usadas.

O acesso bidirecional e, portanto, uma vez conectado VPN, o computador remoto pode enviar e receber dados pela rede normalmente como se estivesse fisicamente ligado rede onde est o Servidor VPN. Portanto no h qualquer restrio para que os computadores da rede do escritrio central acessem dados localizados no computador remoto.

Mscara da interface local: Neste campo, o administrador da rede deve digitar a mscara da interface local. Primeiro IP para alocar: necessrio separar uma faixa de endereos IPs pertencentes a sua prpria rede para os clientes remotos. O primeiro endereo IP dessa alocao deve ser includo nesse campo. Nmero de IPs a alocar: Neste campo, o administrador da rede deve definir o nmero de endereos IPs que sero alocados. Mascarar o acesso com o IP desse servidor: Habilitando esta opo, o acesso ser mascarado com o endereo IP do servidor.

Evitando, por exemplo, que hackers usando sistemas de spoofing de IP possam se passar pelo servidor e roubar os dados protegidos. Para tanto, possvel usar certificados existentes no computador. A porta padro a , mas pode ser alterada. Acesso permitido a redes: Indica as redes que tm acesso ao servio. Usurio: Neste campo, o administrador da rede deve digitar o usurio que tenha acesso ao servidor de VPN.

Senha: Neste campo, o administrador da rede deve digitar a senha do usurio definido no campo acima. O Winco Messenger um servio do Winconnection 6 para aplicao de mensagem instantnea em uma rede interna ou externa.

No Winconnection 6 executado o servidor do Winco Messenger, e nas estaes necessrio instalar um cliente para que seja possvel a troca de mensagens pelo sistema. O arquivo de instalao do Winco Messenger est disponvel na seo de download do site do Winconnection. Guia Configuraes Geral: Na seo Permisses de acesso por grupo, o administrador da rede deve habilitar os Grupos de Usurios que tero acesso ao servio de mensagem.

Veja a seguir as principais caractersticas o Winco Messenger: Controle de permisso de uso. Transferncia de arquivos. Busca de contatos automtica, com base na lista de usurios. Salva a lista de contatos no servidor.

O que é VPN? - Segurança

Histrico de mensagens enviadas e recebidas. Pode servir tanto a rede interna como a externa internet. Alerta sonoro. Envio de Broadcast mensagem para todos. Aviso de usurio Away com descanso de tela. Novo Lay-out. Porta TCP: A porta padro para este servio , e no pode ser alterada, pois o cliente sempre far o acesso nessa porta. Servios de Gateway Veja a seguir a descrio de cada servio disponvel no menu Servios de Gateway.

Permite que as estaes resolvam o Domnio dos Servidores da Internet localmente. Esta a opo indicada e deve ser usada sempre que possvel. Servidor DNS Externo: o servio que resolve os domnios para esta conexo. Porta TCP: Normalmente a porta padro 53 e no deve ser alterada. O Dynamic Host Configuration Protocol Protocolo de configurao dinmica de servidor define uma forma para atribuir automaticamente endereos IP para computadores na rede.

O Servidor DHCP reduz os gastos com manuteno, atravs do fornecimento automtico de IPs nas configuraes de rede para as mquinas clientes. O DHCP tambm indicado para redes internas que tenham mais de 20 estaes conectadas ao servidor Winconnection 6, pois a configurao torna-se rpida e prtica. Redes que possuem Sub-Redes com faixas de IP diferentes, o uso do DHCP tambm seria fundamental, tanto para o desempenho da rede interna como para a utilizao do Winconnection 6.

Caso seja o prprio Winconnection 6, digite o IP da mquina onde est instalado o programa neste campo. Nmero mximo de endereos IPs: a quantidade de mquinas que o Winconnection 6 ir gerenciar. Por padro, est configurado o valor Tempo de alocao dos Ips [horas]: Nesse campo, o administrador da rede define o tempo em horas que os endereos IPs sero alocados. Esta guia exibe a lista de leases que contm os IPs que foram locados no servidor. Descrio: possvel uma descrio para o lease. IP: Endereo IP que ser alocado, bloqueado ou liberado.

Parmetros Opcionais: Mscara de Sub Rede: Neste campo, necessrio informar a mscara de sub rede da rede. Acesse o tpico IX. DNS para mais informaes. Guia Status e Monitor: Esta guia exibe informaes sobre a navegao dos usurios.

Clicando com o boto direito do mouse sobre uma conexo, o Winconnection 6 disponibiliza as seguintes opes: Ao: Fecha a conexo selecionada. Acesso navegao: Exigir autenticao: Obriga aos usurios a digitarem o login e senha antes de comearem a navegar, permitindo que o administrador da rede saiba qual usurio est navegando e em qual site. Pedir senha sempre que o usurio abrir o browser: Exige que a toda abertura de uma nova janela do Browser Navegador , o usurio fornea seu login e senha.

Essa opo incrementa a segurana nas estaes. Capturar conexes transparentes: Habilitando esta opo, todas as conexes transparentes sero capturadas. Tempo de inatividade para expirar logins dos usurios [minutos]: Neste campo, possvel informar quantos minutos a estao dever ficar sem navegar para o Winconnection 6 pedir novamente a autenticao do usurio. Recomendamos 10 minutos. Controle automtico de contedo: Ativando a opo de Controle automtico de contedo, possvel realizar bloqueio por categorias de sites, tais como: Porn, Vdeo, Msica, etc.

Usar o Proxy abaixo: Quando existe um outro Servidor Proxy na rede, e se deseja cascatear o mesmo atravs do Winconnection 6 essa opo deve ser ativada, informando o IP e as portas utilizadas no outro Servidor Proxy.

O Cache o local no disco rgido onde se armazenam temporariamente os arquivos transferidos, quando se carrega uma pgina Web. Ao se retornar para a mesma pgina, o navegador pode busc-la no cache em vez de ir at o servidor original novamente, poupando tempo e reduzindo o trfego na Internet.

Cache: Ativar cache: Ativa a utilizao do servio de cache. Tamanho mximo do cache [Mb]: Neste campo, o administrador da rede pode definir o tamanho do cache. Diretrio do cache: Neste campo definido o diretrio do cache.

As regras de acesso para o controle de contedo do Winconnection 6 so separadas por Regras Avanadas e Regras por Grupo. Regras Avanadas: As regras avanadas de acesso so criadas atravs de um Assistente, tornando esse processo simples e melhor. Regras por Grupos: Habilitando essa opo, possvel criar regras de acesso baseadas em grupos de usurios. Todos: Todos os sites faro parte da regra de acesso. Dicas de configuraes de bloqueio por site esto disponveis no Bloqueio por sites Dicas de Configurao.

Configuraes Lista de Sites.

COMPLETO BAIXAR WINCONNECTION

Consulte o tpico Guia Configuraes Lista de Sites para mais informaes. Categoria Controle Aut. Passo 3 Permisses: Neste passo possvel definir o controle do acesso por horrio.

As seguintes opes esto disponveis: Liberar o acesso todos os dias, 24 horas por dia: Habilitando esta opo, nenhum controle por horrio realizado. Definir um horrio para navegao: Neste campo, o administrador da rede dever informar o perodo de tempo quando o acesso for permitido.

Passo 4 Restries: Neste passo possvel definir quais restries sero aplicadas na regra que est sendo criada. Tempo de navegao [minutos]: Neste campo, possvel restringir o tempo que o usurio ficar online. Essa configurao deve ser feita em minutos. Ao invs de proibir, apenas permitir as extenses acima: Habilitando esta opo somente o download dos arquivos mencionados no campo acima ser permitido.

Habilitando a opo Regras por grupos possvel definir as regras de acesso navegao baseadas em grupos de usurios. Na seo Permisses de acesso por grupo, o administrador da rede dever habilitar os grupos de usurios que tero acesso navegao atravs do servio Filtro Web.

Para configurar as regras por grupo, necessrio selecionar o grupo e em seguida clicar no boto Configurar. Regras de Acesso: Ativar o controle de contedo: Ativa o controle de contedo com base nas regras que sero criadas. Proibir acesso aos sites abaixo: Probe acesso aos Sites ou Lista de Sites que o administrador da rede ir cadastrar no campo abaixo. O administrador deve tambm definir as regras adicionais, como protocolo que vlido http, https e ftp , horrio de proibio e tratamento da extenso de arquivos que podem ser baixados.

Permitir acesso aos sites abaixo: Permite acesso aos Sites ou Lista de Sites que o administrador da rede ir cadastrar no campo abaixo.

Dicas de configuraes de bloqueio por site esto disponveis em Bloqueio por sites Dicas de Configurao. Tambm possvel cadastrar Lista de Sites, diferenciando-as por tipo e depois importar estas listas para as diferentes regras de acesso. Consulte o tpico IX. Guia Configuraes Lista de Sites para mais informaes. Sites no listados acima: So as regras definidas para os sites no cadastrados no campo acima.

O Administrador da rede pode utilizar as seguintes regras: Proibir acesso: Todo e qualquer site que no esteja na lista acima de permisso ou de proibio, ser proibido. Permitir acesso de acordo com a seguinte regra: Todo e qualquer site no listado nas regras acima tero o tratamento geral dado por esta opo. Regra: O administrador deve tambm definir as regras adicionais, como protocolo que vlido http, https e ftp , horrio ser baixados: o o Protocolos: So os protocolos vlidos para a regra de acesso.

Para alterar esta configurao, basta clicar no boto Alterar. Controle Automtico de Contedo: Nessa guia de configurao, o administrador da rede deve selecionar as categorias de sites que sero bloqueados.

O bloqueio realizado por horrio. O boto Alterar Horrio deve ser utilizado para alterar os horrios de bloqueio. O cadastro de Lista de Sites permite com que o administrador da rede crie vrias listas de sites, diferenciando-as por tipo e depois importe estas listas para os diferentes tipos de regras de acesso que podero ser criadas, de acordo com a sua necessidade. Na existncia de outra fonte de sites de uso proibido na empresa, o administrador da rede pode importar uma lista completa de sites de um arquivo texto colocando um site por linha.

Iniciar automaticamente: Habilite essa opo para que esse servio seja iniciado automaticamente junto com o Winconnection 6. Porta TCP: Normalmente a porta padro e no deve ser alterada. No aconselhvel habilitar o acesso a clientes externos Outras Redes , pois isto permitiria uma invaso a rede interna. O Relatrio Web permite que o administrador de rede possa verificar todos os sites acessados na internet e desta maneira imprimir relatrios de acordo com a totalizao mais adequada. Esta a forma indicada de consulta ao histrico de navegao da empresa, por usurio ou IP da mquina.

O relatrio pode ser gerado, baseando-se nos seguintes dados:. Usurio: Ao selecionar um usurio possvel verificar os domnios acessados por ele, com a possibilidade de detalhar os acessos aos domnios.

Domnio: Exibe um ranking de domnios mais acessados, com possibilidade de detalhar o acesso ao domnio ou exibir os usurios que fizeram acesso ao domnio em questo.